PedalStock
EN | PT
Preço
Ordenar por
 
Preço
Ordenar por
 
Um velho contador para o Séc.XXI

O Omata One é velocímetro de bicicleta um pouco enganador. Claro que se parece com um medidor de dados simples, mas o Omata não é simples em nada. Atrás dos três mostradores, alojados numa caixa de alumínio liso, é um computador...
SKS Airchecker - Monitor de pressão de pneus
A Herança do Alentejo
 
Keo Blade 2: os novos pedais da Look
Keo Blade 2: os novos pedais da LookKeo Blade 2: os novos pedais da Look
Keo Blade 2: os novos pedais da LookKeo Blade 2: os novos pedais da Look
A marca francesa LOOK, criadora do 'pedale automatique' tem um novo topo-de-gama, o Keo Blade 2. Tendo passado dois anos satisfeitos com o seu antecessor, o Keo Blade, estávamos bastante curiosos em experimentar os novos pedais e colocar alguns quilómetros debaixo dos pés.

A Look reivindica um novo design, que afirma ser mais leve, mais estável e que oferece maior segurança. A primeira destas características podemos confirmar de imediato. Com um par de Blade originais à mão, na balança mostraram umas francamente inaceitáveis 114grs. Os Blade 2, com eixo chromoly, derrubou as escalas com umas 112grs - 2 gramas mais leves que os seus antecessores e apenas 2 gramas a mais do que o reivindicado pela Look. Ganhos marginais? Vamos lá descobrir.

Um desenvolvimento mais significativo pode ser encontrado na reconfiguração da tira de carbono utilizada pela LOOK no lugar de uma mola para controlar o mecanismo de retenção do grampo. Na versão Blade original este foi montado na extremidade externa do pedal e medindo apenas um único centímetro de largura. No novo modelo a faixa de carbono mede 23 milímetros e forma a base do pedal. A LOOK diz que esta é a razão para a nova forma de encaixe: mais firme e suave.

A plataforma do pedal, ou superfície de apoio, é maior de todo a gama LOOK, com uns alegados 700mm2. Enquanto estamos a falar de mudanças estéticas e visíveis ​​para os olhos, o 'bloco' ou a área do pedal que abriga o grampo, é notavelmente menor. a LOOK afirma que o seu tamanho reduzido oferece um contato contínuo com o grampo independentemente do ângulo da pedalada. Os novos eixos - titânio ou chromoly dependendo da sua opção e bolso - são ambos grandes e giram em dois rolamentos de esferas e um rolamento de agulhas, ambos protegidos com uma selagem dupla.

Finalmente, a aparência. O Keo Blade 2 é menor e mais elegante do que o original e a lâmina de carbono brilhante cria um contraste atraente com o corpo de pedal que é mate. Os logos da marca gravados a laser caiem bem aos olhos.

O preço recomendado numa loja ronda £139,99 para a versão com eixo chromoly e £249,99 para a versão de titânico.




(pic: Timothy John, ©Factory Media)
 

Outros Reviews:
SKS Airchecker - Monitor de pressão de pneus
S1: leve, levemente, o novo Gelu
Gelu G1: leve, levemente...
Pés quentes e secos: os ZwölfEnder Classic.
Um império aos nossos pés: GIRO Empire VR90 - Parte 1
Cateye Volt 700: luzes, acção!
Suja-te em estilo: o novo Giro Empire VR90
PROTEÍNAS PARA O PEQUENO-ALMOÇO!
Amarelo debaixo dos pés: as Superfeet Yellow.
Abus Pedelec: luzes, chuva, acção!
 
Copyright Pedalstock
Developed by Octágono